Páginas

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Pondo os pingos nos is



Maria, a primeira Cristã. A escolhida por Deus para por em prática seu plano de salvação para a humanidade. Sem o seu sim, não poderia haver salvação.

Nunca é demais render homenagens à Virgem Santa, mas qualquer Católico provido de maturidade na fé, entende que ela por si só, não pode fazer milagres. Os milagres atribuídos a ela são decorrentes de sua intescessão por nós junto ao Deus Uno e Trino (Pai, Filho e Espírito Santo), por isso não se deve colocá-la no mesmo patamar de Jesus.

Para entender melhor, vamos a alguns esclarecimentos:

Culto de Latria - (grego: "latreuo" quer dizer adoração. É o culto reservado a Deus. A Latria é o culto que se deve somente a Deus e consiste em reconhecer nele a Divindade, prestando uma homenagem absoluta e suprema, como criador e redentor dos homens. Ou seja, reconhecer que Ele é o Senhor de todas as coisas e criador de todos nós.

Culto de hiper dulia - (grego: hyper, acima de; deuleuo, honra) ou acima de culto de honra, sem atingir o culto de adoração.

O culto de hiper dulia é culto especial devido a Maria Santíssima, como Mãe de Deus.


Culto de dulia - ( grego: "douleuo") quer dizer honra. O culto da dulia é especial aos anjos e santos, ou seja, de veneração por serem modelos de santidade. Venerar o anjos e santos é exaltar a Deus como nosso Pai Criador de todas as coisas.

Nenhum comentário: